“Eu quero acreditar que nós temos a capacidade de criar uma grande dinâmica de mudança”

“O que está em causa nas próximas eleições Presidenciais é saber se as pessoas preferem refugiar-se nas soluções de sempre, refugiar-se no interior das estruturas partidárias; se preferem a proteção e o conforto de uma coisa que já é conhecida, que traz mais do mesmo, ou se estarão disponíveis para a cidadania, para terem algo diferente, para além dos partidos. Sempre disse e repito: nada contra os partidos, mas tudo pela cidadania. Eu quero acreditar que nós temos a capacidade de criar uma grande dinâmica de mudança.” – Sampaio da Nóvoa, esta tarde, na Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa, na Conferência “Portugal em cinco pontos”.