José Jorge Letria

Apoio a candidatura de António Sampaio da Nóvoa desde o início e nunca tive dúvidas acerca da sua capacidade intelectual e do genuíno desejo de, a partir de um conceito dinâmico de cidadania e de liberdade, querer fortalecer a nossa vida democrática e fazer da Presidência da República um espaço vivo de intervenção e de promoção do diálogo entre pessoas e instituições que pode gerar os consensos necessários para que Portugal recupere a confiança e a esperança que fazem crescer e progredir. Sempre gostei da forma como fala da liberdade e do sonho, do inadiável desejo de mudança e dos factores de apreensão e descrença que determinaram a saída de Portugal de quase meio milhão de pessoas, num processo que tanto nos tem empobrecido e fragilizado. O seu discurso é o da clareza e da mobilização de energias e de vontades, em nome dos grandes desígnios que quatro anos e meio de governação de direita gravemente ameaçaram. Com António Sampaio da Nóvoa renasceu uma parcela importante da esperança de Abril que deve ser capaz de juntar várias gerações num combate cívico e político que impeça de Portugal de ficar nas mãos de uma direita ressentida e retrógrada que nos poderia fazer regressar a um passado de obscurantismo e medo. Com Sampaio da Nóvoa é mesmo o futuro que conta. Por tudo isto, voto António Sampaio da Nóvoa para representar o melhor do que somos e queremos.