“Sou um candidato cidadão”, Sampaio da Nóvoa em Abrantes

“As eleições presidenciais representam um momento ímpar na nossa democracia. São o único acto eleitoral em que elegemos um nome, um rosto, e não um partido ou movimento. É por isso normal que o papel dos partidos seja diferente e que não tenham de estar tão presentes e activos. Estou muito à vontade nesta matéria. Sou um candidato cidadão, e tantas vezes tenho sido criticado por isso, como viram nos debates. Anunciei a minha candidatura sem esperar por qualquer decisão partidária e sem estar a fazer cálculos aos resultados das legislativas. Avancei quando a minha consciência o ditou, sou apenas dependente das minhas convicções.”

ab2 ab3 ab4 ab5 ab6 ab7 ab8 ab9 ab10 ab11 ab12 ab13 ab14 ab15